Nerdizmo

Astronauta registra raro sprite vermelho acima de nuvem de tempestade

Astronauta registra raro sprite vermelho acima de nuvem de tempestade

O astronauta da ESA, Andreas Mogensen, capturou imagens de um raro sprite vermelho sobre uma nuvem de tempestade, lá da Estação Especial Internacional, como parte do experimento Thor-Davis em sua missão Huginn.

Esse fenômeno de trovão é chamado de Evento Luminoso Transitório (TLE) e ocorre acima de nuvens de tempestade, entre 40 a 80 quilômetros acima do solo.

A imagem foi capturada usando a câmera Davis montada no topo da câmera da Estação Espacial Internacional na Cupola.

Por que duas câmeras? A câmera Davis é essencialmente uma câmera de eventos, que funciona mais como o olho humano. Ela detecta mudanças de contraste em vez de capturar uma imagem como uma câmera regular, sendo capaz de capturar o equivalente a 100.000 imagens por segundo usando muito pouca energia.

Mas o que é um sprite vermelho?

Sprites não são muito conhecidos, exceto por meteorologistas, fotógrafos da natureza e outros que estudam os céus. Eles não são especialmente raros, mas são fugazes e difíceis de capturar com uma câmera. Sprites elétricos são descargas elétricas na alta atmosfera da Terra. Eles estão associados a tempestades, mas não nascem nas mesmas nuvens que nos enviam chuva. Tempestades – na verdade, todo o clima terrestre – ocorrem na camada da atmosfera da Terra chamada troposfera, que se estende da superfície da Terra a cerca de 6 a 19 km de altitude. Sprites elétricos – também conhecidos como sprites vermelhos – ocorrem na mesosfera da Terra, até 80 km de altura no céu.

“Essas imagens tiradas por Andreas são fantásticas. A câmera Davis funciona bem e nos proporciona a alta resolução temporal necessária para capturar os processos rápidos nos relâmpagos”, disse Olivier Chanrion, cientista principal para este experimento e pesquisador sênior da DTU Space.

O vídeo abaixo (em inglês) explica um pouco mais sobre o fenômeno.

Veja mais sobre ciência!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments