Nerdizmo

Sokka não será sexista na série live-action de Avatar

Sokka
  • O personagem Sokka não será mais sexista em Avatar: O Último Mestre do Ar (Netflix);
  • Os atores Ian Ousley e Kiawentiio comentam mais sobre as mudanças realizadas;
  • A série estreará no dia 22 de fevereiro de 2024

Os ator Ian Ousley, que interpreta Sokka na série live-action de Avatar: O Último Mestre do Ar e Kiawentiio, que vive o papel de Katara, estão divulgando mais detalhes da produção e ambos afirmam que o guerreiro da tribo da água não será mais um personagem sexista como conhecemos na obra original.

Como parte da adaptação que estreará no dia 22 de fevereiro de 2024, alguns elementos foram alterados para o público moderno que assistirá ao seriado na Netflix.

“Eu sinto que foi removido também o quão sexista o personagem era. Há muitos momentos no desenho que soam duvidosos”

Kiawentiio

“Há mais peso no realismo de todas as formas. Tiveram algumas coisas que redirecionamos porque alguns pontos ocorrerão de forma diferente”

Ian Ousley

A função de Sokka

Vale notar que o sexismo do personagem é um elemento muito importante do desenho, principalmente pela jornada de aprender o quanto suas convicções estavam equivocadas até o respeito que cresce dentro de si em relação a diversas guerreiras e outras mulheres que conhece durante a jornada. No entanto, é também possível que tenha sido removido da adaptação para o conteúdo não ser replicado em células preconceituosas no mundo real.

Veja mais em Séries e TV!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments