Nerdizmo

O museu para esquilos criado por um casal em quarentena

Os bichinhos, Pandoro e Tiramisù, dois irmãos de 9 meses estão atualmente em quarentena com seus donos

O museu para esquilos criado por um casal em quarentena

Este é o museu para esquilos criado por Filippo Lorenzin e sua parceira, Marianna. Foi confeccionado especialmente para os seus esquilos da Mongólia, para que todos passem uma quarentena bem divertida.

Os bichinhos, Pandoro e Tiramisù, dois irmãos de 9 meses estão atualmente em quarentena com seus donos. Como Lorenzin trabalha para o Victoria and Albert Museum em Londres, ele teve esta ideia genial e ao mesmo tempo hilária: retratar a experiência de um museu para os pequenos roedores.

Enquanto isso, Marianna estava no comando da arte, criando versões “gerbil” (como os pequenos animais também são conhecidos) de obras de arte icônicas de Vermeer, Klimt e Munch.

Desde os rótulos das paredes até o banco de visualização e a placa pedindo gentilmente aos visitantes para não mastigarem, é a atenção aos detalhes que torna o projeto tão magnífico.

Dá para acompanhar as aventuras de Pandoro & Tiramisù no Instagram e acompanhar Lorenzin no Twitter.

O museu para esquilos

Veja mais sobre arte e web!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Star Wars: Galactic Cruiser, o hotel-passeio da Disney 5 Jogos em Pixel Art para Acompanhar Confira a crítica do filme Inititation Melhores Filmes de Suspense tensos e com reviravoltas Novos Jogos de Construção de Cidades para Acompanhar