Nerdizmo

Nintendo abre processo multimilionário contra site RomUniverse

Processo pede US$ 150 mil para cada ROM compartilhado, mais US$ 2 milhões.

Nintendo abre processo multimilionário contra site RomUniverse

A Nintendo continua a batalha contra a pirataria de seu conteúdo, desta vez com um processo contra o RomUniverse, um site que abriga milhares de ROM’s de jogos antigos para rodar em emuladores.

Eles entraram com um processo de US$ 2 milhões contra o site, que não só oferecer ROMs para os internautas, mas sim tira lucro disso ao ter planos de assinaturas.

O site traz um plano de US$ 30 por ano para que os usuários possam baixar quantos jogos quiserem.

Em seu processo contra o proprietário do site, Matthew Storman, a Nintendo diz que o RomUniverse “é construído em grande parte com base em violações de bronze e em grande escala dos direitos de propriedade intelectual da Nintendo” e que através do site “centenas de milhares de cópias de jogos da Nintendo foram ilegalmente baixadas”.

A Nintendo pede até US$ 150.000 por cada jogo protegido por direitos autorais que o site compartilhou, além de um total de US$ 2 milhões por violar sua marca registrada.

Isso ocorre porque os jogos compartilhados pelo RomUniverse incluem cópias da marca registrada da Nintendo, tornando o compartilhamento uma violação das leis de marcas registradas e de direitos autorais.

O assunto é uma grande polêmica, pois a Nintendo não oferece muitos desses jogos antigos em seus serviços. Seja por meio de portabilidade para os seus consoles, ou qualquer outro meio. Singifica que muitos games retrô acabam se perdendo e nunca mais vistos pelos jogadores.

Algumas pessoas alegam que a empresa deveria aplicar o dinheiro na portabilidade e relançamento dos clássicos, ao invés de processar sites e fãs que compartilham os jogos antigos da empresa.

Outros acreditam que eles têm razão em proteger as propriedades intelectuais, seja de jogos antigos ou não.

O fato é que sites como esses, no caso do RomUniverse em específico, usa o trabalho da Nintendo para lucro próprio. Ou seja, vende a propriedade de terceiros. E isso certamente fará com que o site perca a batalha na justiça.

Veja mais sobre games!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Games
Novos Jogos de Construção de Cidades para Acompanhar Casas na caverna estilo toca de Hobbit 5 lições que aprendemos com o Professor Polvo Star Wars: the Bad Batch ganha pôster