Nerdizmo

Marvel Legends é tudo que precisa para seguir o MCU

Marvel Legends

Marvel Legends foi criado para ajudar o público a recapitular os principais acontecimentos de seus super-heróis favoritos dentro do MCU, com duas temporadas disponíveis na Disney+ e abrindo um grande leque de cobertura sobre eventos e linhas narrativas – sob a premissa de que o público não necessitasse assistir às dezenas de produções baseadas em seu universo para acompanhar um novo filme ou série.

Ainda assim, vemos diversas reclamações sobre as dificuldades para seguir a ordem para os grandes eventos. A produção é composta de diversos curtas, focados geralmente em dois/três personagens que precisa compreender as motivações antes de seguir o novo plot. Por exemplo, com a chegada de Guardiões da Galáxia Vol.3, vimos uma linha de 5/6 minutos para cada personagem que integra o grupo.

E todas as grandes produções hoje contam com esta recapitulação disponível na plataforma, garantindo que em pouco tempo você se atualize dos eventos e possa ver as próximas obras sem ter qualquer tipo de dor de cabeça. E o mesmo serve para quem viu cada uma de forma religiosa, a quem queremos enganar? São mais de 40 obras e o Multiverso faz questão de misturar tudo que veio da Sony e Fox, sendo bem difícil que todos se lembrem de aspectos de cada uma delas.

Um destes Homem-Aranha sumiu das telonas por 14 anos. O outro, por sete

O Marvel Legends poderia ser mais acessível

Eu concordo com vocês, caros leitores, a linha Marvel Legends teria um sucesso ainda maior se estivesse disponível em plataformas como o YouTube ao invés da Disney+. Afinal de contas, é justamente o público que não assina o serviço e sente preguiça de acompanhar tudo que mais sente dificuldade em ver alguns filmes do estúdio. Os curtas servidos gratuitamente ajudariam a impulsionar de forma melhor, apesar de não ser este o foco do texto.

A grande questão é que as conexões estão se tornando ainda mais obrigatórias. Gavião Arqueiro puxa os eventos dos filmes anteriores dos Vingadores e se conecta diretamente com Eco, por exemplo, Já Eco tem conexão com o Demolidor e este está sendo integrado ao MCU agora, mas já tem três temporadas de uma aventura anterior pela Netflix que será levada em consideração – isso sem citar sua participação em Os Defensores. Adiciona que ele apareceu também em She-Hulk e a situação se complica ainda mais.

Para ver Daredevil: Born Again, prepare-se para uma tonelada de background

Ou seja, a pessoa que decide ver a nova série do Demolidor, prevista para ser lançada este ano na plataforma, terá de absorver todo o material acima. Os fãs nós sabemos que vão, assim como eu. Porém, há uma dificuldade imensa em absorver um público novo sem contar com recursos como o visto em Marvel Legends.

Caso esteja buscando uma recapitulação dos eventos que já ocorreram e aparecerão nos próximos filmes e séries da Marvel Studios, recomendo que acesse o conteúdo para entender melhor e não se sentir tão perdido dentro desta tsunami de produções.

Veja mais em Cinema!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments