Nerdizmo

Porque cancelar a temporada 2 de Dexter: New Blood foi a melhor escolha depois do final da primeira temporada

Seriado focou no relacionamento entre Dexter e seu filho

Porque cancelar a temporada 2 de Dexter: New Blood foi a melhor escolha para proteger o final da primeira temporada

Muitos podem, a primeira vista, achar que não, mas de fato cancelar a temporada 2 de Dexter: New Blood, o revival da famosa série do “serial killer do bem”, foi a melhor escolha para preservar o final da primeira temporada.

Ao invés de renovar a série, a Showtime anunciou que teremos uma nova série inspirada nos personagens, que desta vez será uma prequela. Aparentemente, para contar eventos antes de Dexter entrar na polícia de Miami.

Dexter: New Blood aconteceu dez anos após os eventos do aclamado Dexter original. Para a Showtime, New Blood foi um enorme sucesso, e foi a série mais assistida na história da emissora.

Cancelar a temporada 2 de Dexter: New Blood foi uma boa jogada

A sequência da série colocou o relacionamento de Dexter com seu filho Harrison como foco. A luta de Harrison com seu próprio Passageiro das Trevas parecia uma boa maneira dar continuidade a New Blood. Porém, a primeira temporada tentou dar consequências para as ações de Dexter, levando Harrison a rejeitar os métodos de seu pai. O resultado foi um final que pouquíssimos fãs de Dexter gostaram.

Acabou, porém, com um terreno a ser explorado, e a segunda temporada teria que responder à maioria das perguntas persistentes da primeira temporada, como o que vem a seguir para o futuro de Harrison.

Mesmo que a série mostra que o garoto, filho de Dexter, iria seguir outro caminho, o final da série pode ter justamente alimentado seu Passageiro das Trevas em vez de destruí-lo. Afinal, quem imagina o que pode acontecer com o psicológico de alguém ao fazer aquilo?

Além de perder seus pais e Hannah, Harrison foi torturado por seu próprio Passageiro das Trevas, o que significa que Harrison não estava no melhor lugar mentalmente antes da primeira temporada de New Blood.

A série então perderia muita força e não faria sentido continuar seu legado através de Harrison. Se Harrison continuasse a lutar com seu Passageiro das Trevas, isso anularia o que ele aprendeu na primeira temporada e tornaria o final de New Blood sem sentido.

Portanto, a única opção para a franquia Dexter é, de fato, uma prequela.

Mesmo que haja muitos personagens que a gente queira ver nesta nova série, um arco interessante de explorar seria o da Dra. Evelyn Vogel, e como ela tratava seus pacientes. Como vimos na oitava temporada de Dexter, a Dra. Vogel ajudou Harry, o pai de Dexter, a criar o famoso código moral que ele usa.

Além disso, a nova série poderia explorar um pouco mais de quando Dexter e sua irmã Debra eram crianças. As possibilidades para explorar os eventos que giram em torno da série são infinitas. Mas a gente tá louco para ver.

E para você, qual arco você acha que seria legal explorar na nova série inspirada em Dexter?

Veja mais sobre séries e TV!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments