Nerdizmo

Mundos Apocalípticos reúne contos de grandes nomes do SciFi e horror

Cenários caóticos colocam em pauta a necessidade de permanecer humano diante do fim dos tempos

Mundos Apocalípticos reúne contos de grandes nomes do SciFi e horror
Mundos Apocalípticos reúne contos de grandes nomes do SciFi e horror

Em Mundos Apocalípticos, o escritor Joseph Adams reúne contos de grandes nomes da ficção científica e horror que apresentam cenários caóticos e a necessidade de permanecer humano diante do fim dos tempos.

A antologia de 22 contos traz nomes como Stephen King, Gene Wolfe, George R.R. Martin, Octavia Butler e muitos outros autores e roteiristas que imaginaram realidades em que o fim da vida humana é iminente.

Vindos de diferente épocas, as histórias mostram como as preocupações mudaram acerca do futuro da humanidade desde os anos 70. Guerra nuclear, desastres biológicos, desastres ecológicos e cosmológicos, são alguns dos fatores retratados como responsáveis pela queda da humanidade.

Desde aqueles que beiram a fantasia, até os que são prováveis demais e despertam inquietação ao serem possíveis, todos questionam: como seria o fim do mundo que conhecemos?

Neste contextos também se concentram a vida pós-tragédia e os impactos das mudanças climáticas, psicológicas, sociológicas e fisiológicas.

Stephen King inaugura o livro com “O Fim da Confusão Toda”, que apresenta um cientista que descobre uma fórmula poderosa capaz de erradicar a agressividade humana – mas ele não previu seus efeitos colaterais.

George R.R. Martin também está na lista com um de seus primeiros contos publicados, “Escuros, Muito Escuros Eram os Túneis”, no qual cientistas vindos da Lua fazem uma expedição ao que sobrou da Terra.

Elizabeth Bear traz um cenário radioativo em “Entre o Diabo e o Profundo Mar Azul”, no qual a protagonista enfrenta o Diabo em pessoa, que ainda atormenta as pessoas que restaram no mundo.

“Sons da Fala”, a obra-prima de Octavia Butler, apresenta uma epidemia que destruiu a capacidade das pessoas de falar, ler e escrever. A autora ressalta a importância da língua para a sociedade e como a falta de comunicação pode culminar no colapso social.

Estes são apenas alguns dos autores e escritores que estão nesta coleção indispensável para qualquer amante de ficção científica e distopia.

Oficialmente lançado no exterior em 2008, Mundos Apocalípticos: Histórias Sobre o Fim dos Tempos chegou ao Brasil em agosto de 2019 pela editora Planeta Minotauro, com edição em capa dura.

Leia a sinopse.

“Fome, Morte, Guerra e Peste: os Quatro Cavaleiros do Apocalipse, o presságio do Fim dos Dias. Esses são os pilares das histórias contidas nesta coletânea. Desde Blade Runner a Mad Max, passando por Cântico para Leibowitz e Black Mirror, escritores e roteiristas de todos os cantos se dedicaram a especular a respeito do fim do mundo. Ao longo de muitos anos, imaginaram cenários catastróficos, onde imperam o caos, o desespero e a calamidade. Seja falando de uma hecatombe nuclear, da iminente mudança climática ou de um cataclisma vindo do espaço, esses visionários abordaram um dos mais desafiadores e permanentes temas da ficção especulativa: a natureza da própria vida, posta à prova diante de um colapso social completo.”

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Star Wars: Galactic Cruiser, o hotel-passeio da Disney 5 Jogos em Pixel Art para Acompanhar Confira a crítica do filme Inititation Melhores Filmes de Suspense tensos e com reviravoltas Novos Jogos de Construção de Cidades para Acompanhar