Nerdizmo

Ms.Marvel – Episódio 5 | Crítica: A Família Khan

Ms.Marvel

A Marvel Studios decidiu dar um grande mergulho nesta semana em Ms.Marvel, levando os fãs para conhecer a origem da magia que envolve os “Khan”. Kamala é levada para o dia da partição, porém fomos ainda mais longe e vimos a jornada de Aisha para sobreviver na época. Apesar de não mostrar muitas explicações ou informações adicionais que fossem relevantes ao presente, continua apresentando uma trama interessante demais para simplesmente pularmos ou ignorarmos.

De início, até estranhei um episódio inteiro que não tenha o foco na protagonista. Me lembrou, inclusive, de O Livro de Boba Fett onde o mesmo ocorre. Porém, ao contrário da série baseada em Star Wars, ao menos esta tem uma ligação direta com o que precisamos conhecer para prosseguir com a saga da jovem heroína. Ver sua bisavó como uma mulher durona e um gênio forte é um bom contraste para quem esperava algo mais próximo e familiar, por exemplo.

A grande questão é que, desde o princípio, eles eram corajosos e cheios de espírito. A pequena Kamala não é diferente por ter poderes, por exemplo. Todos brilham de certo modo e o episódio 5 nos comprova isto com uma certa maestria de roteiro. Aisha defendeu o bracelete e ajudou a proteger o legado de sua família. Sana foi a guardiã deste item e o manteve em segurança por décadas, enquanto prosseguia sua própria vida. Muneeba já teve sua época revoltada e buscando seu lugar ao mundo. Agora chegou a vez da personagem principal dessa história.

Aisha encabeça uma linhagem de mulheres fortes

Não é um episódio da Ms.Marvel

Se você está esperando por um capítulo que dê mais sentido para a jornada de Ms.Marvel, pode tirar o cavalinho da chuva. E isso, ao contrário do que muitos podem pensar, é algo muito bom. 90% dele é focado em contar a trama do passado de Aisha e em como ela “desapareceu” no dia da partição. Ali temos uma excelente ideia do que rolou no passado e quem salvou a avó da protagonista, mantendo ela a salvo junto aos braceletes até os dias atuais. Ouso dizer, inclusive, que a idosa se recorda precisamente disso.

Com esta pegada de flashback, realmente parece uma outra história de outro seriado. Isso é porque não estamos mais vendo um conteúdo feito para alimentar fãs fervorosos e pessoas que estão ali apenas para ver alguém encapuzado bater em bandidos. É uma jornada de crescimento para Kamala Khan, extremamente necessária para que ela se torne uma das maiores heroínas que essa editora já teve nos últimos anos. Negligenciar isso seria um tiro no pé do próprio estúdio do MCU e deram mais fatores para trabalharmos até o fatídico fim.

A série não se trata apenas de bater em bandidos

Colocar quatro gerações para interagirem e chegar em um lugar comum é muito mais importante do que espancar meia-dúzia de vilões por aí. Aisha começou tudo isso, mas avó, mãe e filha carregam um grande peso na atualidade e que precisava urgentemente ser reparado. E comprovar a história de Sana foi o caminho mais sincero e bonito que encontraram de ajustar as coisas entre as três no presente. Por isso, ouso dizer que este episódio não tem nada a ver com a Ms.Marvel propriamente falando. Tem a ver com a família Khan.

Isso não tira o peso e imediatismo das ameaças que a heroína enfrenta, mas traz outros dilemas para ela encarar. Inclusive, temos um vislumbre do que está rolando em Nova Jersey e o que a espera quando retornar para os Estados Unidos. Porém, como isso afetará as coisas entre ela e os demais personagens ainda permanece um mistério. Afinal de contas, se soubéssemos tudo o que estava por vir não estaríamos curtindo tanto, não é?

Nova Jersey não foi esquecida no churrasco

Muita coisa para um episódio só?

Apesar de trazer uma história forte e necessária, o capítulo 5 me deu uma grande preocupação em relação ao que veremos no próximo. Considerando que será o último, acredito que ele será corrido demais para fazer jus aos demais personagens que fazem parte do núcleo de Kamala. Bruno e Kamran já sei que terão lugar garantido no desfecho, mas e quanto à Nakia descobrindo sobre os poderes de sua melhor amiga? Isso sem citarmos o papel de Zoe nesta temporada.

Inclusive, há um fator que me fez ver que o roteiro não teme tomar certos trajetos preguiçosos para não gerar mais problemas do que aqueles que farão parte do fim. Em determinado momento, as habilidades de Ms.Marvel são reveladas a quem não devia e as personagens que presenciam isso tratam o elemento com a maior calma e tranquilidade do mundo. Vamos lá, estamos vendo algo que pode ser alienígena, mágico ou de outra dimensão na nossa frente. Isso não foi normalizado nem entre os super-heróis, imagine pelas pessoas comuns.

Este tipo de coisas já se tornou comum ao MCU?

Pulando a trama de Aisha, Kamala traça um caminho perigoso para o seu desfecho. Até aqui, tudo está ótimo e eu realmente estou curtindo o que ando assistindo. Ouso dizer que está me divertindo mais do que as outras séries da Marvel Studios. O fim disto que me preocupa, já que temos muita coisa interessante e faltam uns 40-50 minutos para resolverem todas as questões do primeiro arco da personagem. Não temos um bom histórico de resoluções, o que me faz temer quanto o que teremos na próxima semana.

Acredito fielmente que a heroína merecia era um seriado um pouco mais longo, de até uns 10 episódios para contar essa história toda com calma e dando a devida importância aos personagens. Vamos ser sinceros, nem mesmo o Departamento de Controle de Danos foi abordado como devia. E olha que já apareceram em um filme e um seriado e nem sabemos direito quem são aqueles que estão caçando heróis para tirar satisfações. Tivemos tudo que precisávamos em cinco capítulos, mas se o sexto e último nos trará algo que faça justiça a isso é uma incógnita ainda.

Os episódios de Ms.Marvel estão sendo disponibilizados todas as quartas-feiras a partir das 5h, através da Disney+ . Veja mais Críticas de Séries!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Kid Bengala
Kid Bengala
1 mês atrás

Que crítica absurda. Essa série está horrível…