Nerdizmo

Alice no País das Maravilhas de 1933 é mais horror do que fantasia

Dirigido por Norman Z. McLeod, a adaptação do livro de Lewis Carroll fica bastante medonho por causa do design dos personagens

Alice no País das Maravilhas de 1933 é mais horror do que fantasia

O filme Alice no País das Maravilhas de 1933 é basicamente um pesadelo, e mais parece um filme de horror bizarro do que algo direcionado para a fantasia e aventura.

Dirigido por Norman Z. McLeod, a adaptação do livro de Lewis Carroll fica bastante medonho por causa do design dos personagens, roupas, máscaras e também o toque branco e preto dos filmes antigos.

A sinopse do filme:

“Alice (Charlotte Henry) descobre que um espelho de biblioteca comum é na verdade um portal para outro mundo. Enquanto ela se ajusta ao seu tamanho que muda constantemente, graças a alguns biscoitos misteriosos, ela segue um coelho com um relógio de bolso, tropeça em uma festa de chá enlouquecida e procura conselhos do sombrio Gato de Cheshire (Richard Arlen). Mais tarde, Alice se depara com Humpty Dumpty (W.C. Fields), cuja infeliz queda põe em movimento eventos ainda mais estranhos.”

Abaixo você confere algumas imagens, o trailer, e, também, o filme completo dividido em duas partes.

Alice no País das Maravilhas de 1933

Imagens

Trailer

O filme completo (em inglês)

Veja mais sobre cinema e TV!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Tags:
Categorias:
Cinema e TV
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Star Wars: Galactic Cruiser, o hotel-passeio da Disney 5 Jogos em Pixel Art para Acompanhar Confira a crítica do filme Inititation Melhores Filmes de Suspense tensos e com reviravoltas Novos Jogos de Construção de Cidades para Acompanhar